26 julho 2006

Cortello Tinto 2003

Este vinho português é produzido pela Quinta do Gradil, localizada na região de Estremadura e pertencente à gigante vinícola Dão Sul.
É feito com as uvas castelão e aragonez, com 12% de teor alcoólico. Um vinho de cor púrpura intenso, com pouca transparência, formando finas lágrimas no copo. Inicialmente é pouco aromático, passando a apresentar fruta média após a tradicional agitação proposital. É um vinho leve, com acidez moderadamente agradável e corpo mediano.
Apresenta notas vegetais, final de persistência média com leve predominância do álcool.
Um bom vinho. Interessante como quase todo tinto português e me custou R$ 19,60.
Degustado em 25 de julho de 2006.

2 comentários:

MIGUELDORIO disse...

Assim não dá!!!. Estava fazendo uma primeira minha postagem e depois de preciosos minutos, tecendo comentários sobre vinhos portugueses já degustados, partiularizando o " Cortello" e se vai tudo pelo espaço e se apaga tudo???
Brincadeira!!!!!Desisto.Assim não dá para confiar num blog desse!!!!!!!!!!!!.
MIGUELDORIO (Brasil)
migel1@dorio.co.br

MARCIO MONTEIRO disse...

Comprei uma garrafa de Co