02 janeiro 2008

Arte Casa Valduga Tinto 2005

Os vinhos tintos da Casa Valduga normalmente comportam-se bem mesmo depois de alguns anos, provavelmente por conta da boa acidez. Ano passado abri um Seculum Merlot, safra 2002, que ainda estava inteiro. Este vinho (o primeiro comentado em 2008) é da linha mais básica da casa, um corte de cabernet sauvignon, cabernet franc e merlot. Um bom exemplar nacional do consagrado corte de Bordeaux. Um vinho honesto, que cairá bem no dia-a-dia e tem preço acessível, na faixa dos R$ 18-20.
No copo, coloração púrpura intenso, denotando juventude. Boa formação de lágrimas (12,5% de álcool). Boa estrutura aromática: frutos vermelhos, especiarias e lembrança de madeira, sem exageros. Corpo mediano, taninos bastante vivos e ótima acidez, dando indicações de que melhorará com o tempo. Estruturado. Retrogosto frutado, final de média persistência, com boa fruta.
Pareceu que o cabernet sauvignon está mais presente, apesar de não saber o percentual de cada cepa utilizado no corte. Havia experimentado este vinho, mas da safra 2004 e fiquei bastante satisfeito. Este 2005 ainda é um vinho jovem, precisa ser decantado por umas 2 horas antes do serviço ou pelo menos ter a garrafa aberta por igual tempo. Ideal se servido entre os 16-18ºC. Tem potencial para "arredondar" nos próximos 2 ou 3 anos.

4 comentários:

Diego disse...

Esse vinho para mim nesta faixa de preço só perde para o Miolo Reserva Pinot Noir, mesmo.

Aceito indicar sim, até sabado informarei a todos, vou dar uma olhada no que encontro de interessante até uns R$35 e seja tranquilo de todos encontrarem.

Abraços.

Diego disse...

Comecei a participar da "Confraria Brasileira de Enoblogs" no último mês de 2007. Logo no inicio de 2008, recebi o convite de Vinho para Todos de indicar o vinho para este mês de Janeiro. Para a data, proponho o último domingo do mês, dia 27. O vinho que indico, devido ao clima quente que tem feito nos últimos dias, o Finca La Linda Rosé of Malbec 2006.
Um vinho rosé que vem sendo muito vendido no restaurante em que eu trabalho e ainda não o experimentei mas acredito ser um bom. Já aviso a todos que é comum a rolha quebrar no meio ao extrai-la... o porque não sei, mas não se assustem, o restante dela sai facilmente.
Abraços a todos, espero que gostem da sugestão para o mês. Saúde! E desculpem o Ctrl C / Ctrl V.

Diego disse...

Por mim tudo bem em passar para o dia 1°/2.
Este fim de semana estou um pouco enrolado no trabalho
se puder repassar a mudança para os outros blogs eu ficaria grato.

Abraços

Guto Flogner disse...

Amigo,
Assim como o vinho conquistou um novo apreciador, você ganhou um novo leitor. Parabens por este belo trabalho que você vem fazendo!

Espero sempre contar com a sua opnião(lendo seus posts) antes de apreciar um novo vinho, mais uma vez parabens!