29 julho 2008

Meia Encosta Tinto Dão DOC 2003

Na faixa de preços deste blog, gosto muito dos vinhos da região do Dão. Normalmente são vinhos corretos, mas as compras de safras mais antigas são arriscadas, provavelmente porque são vinhos muito baratos em Portugal e, por óbvio, elaborados para consumo mais imediato. Então, não aconselho a compra de safras anteriores a 2005, especialmente se as condições de armazenamento não são confiáveis.
Este tinto é produzido pela Sociedade dos Vinhos Borges, fundada em 1884. É um corte de alfrocheiro, aragonês e touriga nacional, pelo qual paguei R$25. Um vinho que deve ter sido bom na juventude, mas sua "morte" já está próxima.
No copo, um rubi cristalino e brilhante, com pernas finas e rápidas. Nariz muito discreto a frutos silvestres e um pouco de vegetal.
Pouco corpo, com taninos ásperos e acidez ainda presente. Álcool sem incomodar (12,5%). Vinho seco, sem complexidade. Final de pouca persistência, com leve toque frutado. Não melhorou com comida.

4 comentários:

Imfernandes disse...

Eno Amigo, estou de volta!!!
Tudo correu bem.

Sempre vejo esse vinho nas prateleiras e tinha curiosidade. Talvez eu o compre para provar, mas já sei que de safra recente.

Grande abraço!

espressa-mente! disse...

compro somente em promoção..aqui no rio os supermercadistas em sua grande maioria sao portugues...propricia a concorrencia entre eles..assim sendo, este vinho em promoçao sai por incriveis R$12-13,00!

Anônimo disse...

serve para tempero!

Fabyo disse...

Morei em Paris e conheco varios vinhos esse e um que me agrada muito!!