14 janeiro 2009

Cavalleri Espumante Moscatel Rosé 2008

Em outubro, estivemos na Cavalleri, casa fundada em 1987 e que tem feito coisa boa no Vale dos Vinhedos. Dos vinhos que nos foram apresentados no varejo da vinícola, gostamos bastante do Espumante Moscatel, que já conhecíamos, e do Pecato Reserva Merlot 2005. Mas a novidade ficou por conta deste rosé, elaborado a partir da variedade Moscatto Hamburgo. Trata-se de uma uva originária do cruzamento entre a Schiava Grossa e Moscato de Alexandria. Na França é muito popular como uva de mesa e conhecida como Frankental. Foram produzidas apenas 2.900 garrafas e comprei a de nº 964, pagando R$28. Quando o bebi ainda na degustação da vinícola pensei: ideal para alguém abandonar de vez o Lambrusco!
Na taça, coloração vermelho-morango, com perlage fina e persistente. Bolhas grandes na parede da taça. Espuma rosada, que desaparece logo (algo em torno de 10 segundos).
Aromas um pouco tímidos. Frutos vermelhos silvestres (morangos e amoras) e algo de caramelo. Melhor na boca. Cremoso, com atraente adocicado (sem ser chato). Retro-olfato frutado e acidez mediana. Final curto, porém frutado e muito agradável. No limite da boa relação qualidade x preço, mas que vale a pena conhecer.

3 comentários:

Anônimo disse...

É um dos bons vinhos moscateis do Brasil. Tem sido meu companheiro nas tardes quentes. Bom custo-benefício. Concordo com seus comentários de avaliação.

Anônimo disse...

Olá, Vc testou o moscatel 2008 deles (não rosé)? Que achou? Gostaria de saber sua opinião. MHZ

Vinho para Todos disse...

Caro Anônimo, estou com o comentário sobre o Moscatel (branco) para postagem em breve. É um espumante muito bom realmente.

Saúde!