07 agosto 2011

Brancaia TRE Maremma IGT 2008


Quando o tema de julho da Confraria Brasileira de Enoblogs foi definido, saí em busca de um Supertoscano de preço mais acessível, abaixo dos R$100. Escolhi o Mediterra para comentar no dia 1º (relembre), mas também havia degustado esse belo vinho produzido pela Casa Brancaia, que produz vinhos desdo o início da década de 1980.

Um vinho que leva no corte uma grande parte de Sangiovese (80%), acompanhada de Cabernet Sauvignon e Merlot em parcelas iguais, daí o nome TRE, lembrando as três variedades. Passa 12 meses em barricas de carvalho. Pela garrafa paguei R$68 numa promoção.

Na degustação apresentou as características da região, num caráter moderno conferido pela presença das uvas francesas no corte com a Sangiovese. Vinho equilibrado, gastronômico, com boa complexidade e boa relação qualidade x preço, considerando os preços mais elevados de vinhos dessa região. No nariz bons aromas de frutos vermelhos e toques minerais. Na boca se repetem essas características, com corpo mediano, taninos elegantes e bom equilíbrio. Final de boa persistência, com boa fruta, notas minerais e leve lembrança da madeira (tostado). Bom para beber agora ou guardar por mais 3-4 anos.

Um vinho para acompanhar comida, que pretendo repetir em breve pois no dia da degustação estava um pouco resfriado. Em outras circunstâncias, talvez a avaliação pudesse ser mais precisa.
.
.
.

5 comentários:

Cristiano Orlandi disse...

Gde VPT,

Hoje esse é o vinho do meu almoço... Devidamente acompanhado de Polenta e Ossobuco...

Forte Abraço!

Cristiano
www.vivendovinhos.com

Anônimo disse...

Realmente otimo vinho, recentemente fiz uma degustação de vinhos IGT Toscana e esse vinho supreendentemente fico em 1º lugar no painel, a frente de vinhos como ASirio 2004 e Le Volte 2007.

Vinho para Todos disse...

Cristiano,

essa coincidência me faz acreditar que meu gosto está melhorando, rs...

Bom almoço. Conte depois o que achou do vinho.

Saúde.

VPT

Anônimo disse...

acho que deve beber esse vinho em outra circunstância. É um grande vinho na faixa de preços e certamente receberá uma melhor avaliação.

Cristiano Orlandi disse...

VPT,

Gosto muito do TRE, para mim é um Supertoscano mais equilibrado, a acidez da Sangiovese está domada pelas cepas francesas.

Sempre decanto ele por uns 15 minutos, acho que a decantação faz muito bem aos Supertoscanos, esse aqui não tem uma estrutura para um longo período, mas 15 min fazem a diferença...

Em relação a harmonização em si, não adianta, Ossobuco é com Brunello, o resto sempre está um passo atrás. Parece que falta acidez para aquele molho carregado do Ossobuco, sem falar na própria estrutura da carne..

Forte Abraço!

Cristiano
www.vivendovinhos.com