24 outubro 2011

Larentis Mérito Gran Reserva 2008


Meu respeito pela Vinícola Larentis vem desde que conheci a família numa de minhas visitas ao Vale dos Vinhedos. Já comentei aqui outros vinhos deles: um Pinotage, um Ancellotta e um Marselan. Quando fiquei sabendo do lançamento desse corte em comemoração aos 10 anos da vinícola fiz questão de noticiar aqui no blog (relembre) e comprar duas garrafas, pagando R$ 63.

O vinho é um corte de quatro uvas da safra 2008, representando os quatro fundadores da empresa: 60% Merlot, 20% Cabernet Sauvignon, 10% Ancellota e 10% Marselan, com passagem de 10 meses por barricas de carvalho norte-americano e mais 18 meses em cave depois do engarrafamento.

Foi feita uma tiragem de apenas 1.000 garrafas. A que abri recentemente foi a de nº 240. A outra será aberta daqui há alguns anos, para verificar sua evolução.

Na taça o vinho tem coloração púrpura, lacrimoso, manchando a taça. Nos aromas é intenso, frutos vermelhos maduros e aquela lembrança típica dos vinhos do Vale. Inicio com forte lembrança do carvalho americano, mas depois de um tempo aberto essa presença diminui, ganhando outros aromas, como chocolate. 

Na boca tem menos corpo do que eu esperava. Taninos macios, repetição da fruta e madeira bem presente, um leve amargor incomodou um pouco. Acidez em boa conta, deixando o vinho vivo, gastronômico. Final mediano, repetindo boa integração entre fruta e madeira. 

O vinho evoluiu na taça, sendo aconselhável uma aeração para que seus aromas se equilibrem. Como todo bom vinho brasileiro, tem ampla vocação gastronômica: carnes vermelhas, massas com molhos mais encorpados, queijos maduros etc.

Como bebi sozinho, deixei metade do vinho para o almoço do dia seguinte e estava em ótimas condições. Enfim, é um bom vinho, que ainda pode evoluir ganhar coplexidade para o próximo ano... mas o Marselan deles continua sendo meu preferido. 

Saúde a todos!






5 comentários:

Anônimo disse...

essa vinícola tem um charme que poucas outras têm: a familia!

quem vai ao Vale e visita a Larentis sai de lá com a sensação de que esteve num mundo diferente, delicado, artesanal.

ainda não experimentei esse vinho, mas fiquei muito curiosa depois desse texto.

abs,

Mayra Oliveira
Lajeado/RS

Anônimo disse...

Boa noite! Em vista de seus comentários, adquiri vários vinhos dele, um de cada uva, inclusive essa. Todas excelentes, embora tenha preferido a Ancelotta. Abraços!

Ciro Fernando Cvilikas
Pato Branco PR

Vinho para Todos disse...

Prezados Mayra e Ciro,

obrigado pela visita e comentários. Que bom que minhas impressões puderam ajudar nas compras.

Saúde!

Gil Mesquita
www.vinhoparatodos.com

Anônimo disse...

Caro Gil : penso que eu é que devo agradecer-lhe, pois através de seu endereço consegue-se conhecer vinhos não tão famosos, da serra gaúcha, mas igualmente muito bons (ou melhores que os mais famosos). Comprei alguns da Angheben mas ainda não os degustei. Abraços e, por favor, continue nos informando!

Ciro

Gil Mesquita disse...

Provei ontem, 12/10/12, minha segunda garrafa desse vinho. Evoluiu em garrafa. Compra aconselhadíssima. Gastronômico, elegante, equilibrado...

Gil Mesquita
www.vinhoparatodos.com