12 dezembro 2011

Um brinde à história: Salton 100 Anos Espumante Nature



Esse é um espumante comemorativo da centenária Vinícola Salton, que tem uma importância notória para o vinho brasileiro. Tem produtos que conseguem atingir a todo tipo de consumidor. Em se tratando de vinhos finos (vitis vinifera), porque os outros eu não conheço, asseguro que não há produto ruim ou mal feito. Não costumo comprar o Salton Classic, mas o consumidor que deseja pagar pouco ou que esteja iniciando no mundo do vinho fará uma boa compra. Todos os vinhos da linha Volpi são muito corretos.

Esse espumante é um Nature, ou seja, após a finalização da segunda fermentação não há adição de açúcares (licor de expedição). Na França esses espumantes também são conhecidos como "pas dosè" (não dosado) ou "dosage zéro" (zero de dosagem). 

É elaborado a partir das variedades Chardonnay (30%) e Pinot Noir (70%) pelo método tradicional, com segunda fermentação na própria garrafa. Segundo site da vinícola, passou 3 anos em autólise de leveduras. Um espumante do qual eu esperava grande qualidade, embora o preço não seja tão atrativo (R$100).

Foram produzidas 13.000 garrafas e abrimos em casa a de nº 3.578, enviada por ocasião do Wine Bar realizado no dia 24/10, mas que por atraso da transportadora não chegou a tempo.

Espumante de coloração dourado claro e perlage fina. Aromas em boa intensidade, frutos brancos, mel, castanhas e marcante lembrança da fermentação, com os tradicionais aromas de casca de pão.  Na boca tem bom volume, acidez equilibrada. É seco, com notas da fermentação se sobrepondo ao frutado. Final longo, maduro, com presença de mel, frutas e casca de pão.

Espumante maduro, gastronômico, seco, que poderá acompanhar pratos de entrada, mas será mais indicado para pratos principais à base de peixe ou frango.

Saúde a todos!


2 comentários:

Anônimo disse...

Gostamos muito desse espumante numa degustação que participamos em Porto Alegre. O preço realmente não é convidativo, mas vale também pela história dessa grande família Salton.
Um brinde!

Lucas e Marcela.

Universo dos Vinhos disse...

Gil, publiquei agora a pouco minhas impressões sobre este belo espumante.
Estou lendo seu post agora e vejo que tivemos impressões semelhantes - o que valoriza (e muito) meu post.
Achei interessante a referência que fazes com respeito a presença de mel - quando provei não cheguei a sentir, pode ser falta de treino mesmo.
Saúde!
Tiago Bulla
www.universodosvinhos.com