28 março 2012

Para as panquecas da Mamma, fomos de Caspagnolo Chianti dei Colli Senesi DOCG 2009


Minha mãe faz panquecas desde que me entendo por gente. No mínimo são 30 anos de boas lembranças. Dia desses cobrei que ela fizesse novamente e saiu coisa boa, made in Goiás, com molho ao sugo. Para harmonizar? Chianti na véia.

Na adega estava esse vinho que comprei há alguns dias por R$69, produzido na Toscana pela Azienda Agricola Poggio Salvi, braço da tradicional Biondi Santi. Na elaboração tem 90% de Sangiovese e os outros 10% completados com Merlot, Colorino e Malvasia Nera. Tem passagem de 10-12 meses por barricas de madeira eslovena.

Vinho de coloração rubi. Aromas um tanto tímidos na primeira taça, abrindo-se depois. Frutos silvestres, leve amadeirado, álcool aparecendo muito discretamente (13%). Na boca tem corpo mediano, marcado por frutos silvestres, leve vegetal, taninos finos e acidez marcante. Estrutura ideal para acompanhar massas com molhos vermelhos. Foi muito bem com as panquecas. Final mediano, com boa fruta, lembrança de groselha e sinal elegante de passagem por madeira (leve tostado).

Exemplar interessante, para harmonizar com as massas italianas com molhos de boa acidez. Pronto para abrir ou guardar por mais 2-3 anos.  

Saúde a todos!



2 comentários:

Anônimo disse...

Esse é um dos Chianti mais interessantes a venda no Brasil.
Não merecia uma avaliação melhor?
Esse tem o pedigree da Biondi Santi.

Universo dos Vinhos disse...

Fiquei curioso Gil. Qual a importadora?

Abraço

Tiago Bulla
www.universodosvinhos.com