22 junho 2012

Gostei do estilo jovem desse Dunamis Cabernet Franc 2011


Acredito que está fora de discussão a a longevidade dos vinhos tintos brasileiros, sua capacidade de suportar bem os anos em garrafa mesmo quando falamos em vinhos baratos. Vale lembrar aqui a experiência que tive com um Marcus James 1991 (relembre). 

Mas qual consumidor moderno tem a disciplina de comprar um vinho e guardá-lo por 4 ou 5 anos para extrair o seu melhor? São poucos. E isso faz com que alguns vinhos sejam abertos quando ainda não estão prontos para mostrar suas melhores características, até porque são poucas as vinícolas que possuem condição econômica para colocar as safras à venda no momento ideal.

Mas, parece que algumas vinícolas brasileiras estão apostando em linhas mais fáceis de beber, de vinhos mais prontos, que não são feitos para longo período de guarda e permitem que o consumidor fique satisfeito de imediato, com poucos riscos de abrir vinhos ainda rústicos, tânicos e pouco agradáveis a alguns paladares.

Parece ser esse o caso desse Cabernet Franc da Dunamis, jovem vinícola de Dom Pedrito, na Campanha Gaúcha, vendido no mercado na casa dos R$39. 

Conheci esse vinho no stand da vinícola no Circuito Brasileiro de Degustação, em Belo Horizonte (17/05). Após a degustação o Júlio Kunz me perguntou o que achei do vinho e respondi: "combina com o rótulo". Em síntese, um vinho leve, descontraído, jovial, que agrada no primeiro gole. 

Na taça a coloração é rubi, translúcido, menos denso que os demais CF brasileiros que conheço (veja na foto). Aromas em boa intensidade, frutos vermelhos maduros e chocolate. Em boca é equilibrado, amplo, muita fruta, notas adocicadas, chocolate, bala de café. Em segundo plano, muito discretamente, surgem notas vegetais. Acidez em equilíbrio e taninos macios. Álcool a 12% sem qualquer desequilíbrio. Final de boa persistência, com palato repetindo todas as sensações da boca, fruta, chocolate e bala de café. Livre de amargores. Pede comida. 

Vinho equilibrado, fácil de beber e pronto. Feito para ser consumido jovem. Em boca e nos aromas se aproxima mais do velho mundo.

Tem passagem de 3 meses por carvalho americano (barricas de segundo uso e tostagem média), o que lhe conferiu elegância sem perder fruta. Ótima compra a esse preço.

Saúde a todos!








6 comentários:

Anônimo disse...

O que achou do preço?parece um tanto caro pelo perfil do vinho. Abraço.
Guilherme

Rodrigo disse...

Gil, gosto muito dos vinhos da Dunamis. Já experimentei um Dunamis Ser Branco e estive há pouco tempo em POA e adquiri este mesmo CF. Estou tomando ele agora e estou gostando bastante. Pena que é difícil encontrar ele em São Paulo. Acho que vou precisar ir mais pra POA...rs
Abraços

Gil Mesquita disse...

Guilherme,

o vinho vale o preço que custa.

mas, sinceramente, tenho dúvida que chegue nessa faixa ($39) aqui em MG ou em SP, estados muito castigados pelos altos tributos.

pelo preço que paguei, é uma boa compra.

Saúde!

Gil Mesquita
www.vinhoparatodos.com

Gil Mesquita disse...

Rodrigo, não consegui provar esse branco no evento em BH, porque quando cheguei no stand da Dunamis ele já tinha acabado.

Quanto a você voltar mais a Porto Alegre, acho que vale o sacrifício, rsrs.

Abraço.

Gil Mesquita
www.vinhoparatodos.com

Rodrigo disse...

Eu acho que vale a pena sim...rs
Eu sempre tento trazer para SP vinhos impossíveis ou difíceis de achar por aqui, sempre com bom custo benefício.
Compro na Costi Bebidas, um loja bem bacana.

Abração

Anônimo disse...

Salve!

Em BH o Dunamis Cabernet Franc está disponível no Empório Santa Tereza. Preço ao consumidor: R$ 39,90.

Grande abraço,
Júlio César Kunz
Dunamis Vinhos e Vinhedos