04 junho 2012

Para beber ontem: Bleasdale Langhorne Crossing Red 2008


Fomos a Uberaba a trabalho e encontramos esse vinho numa loja do Mercado Municipal, a Mercador, comandada há 22 anos por um Português que veio para o Brasil em 1974 (ano em que nasci) por conta da Revoluçao dos Cravos. A loja tem boas opções de rótulos, mas a maioria deles importados pela Casa Flora, como esse. 

Trata-se de um corte de 53% Cabernet Sauvignon, 35% Shiraz, 7% Petit Verdot e 5% Malbec, com passagem de 15 meses por barricas "predominantemente" americanas, mas a vinícola indica uma passagem por barricas francesas para conferir maior elegância ao vinho. Tem expectativa de consumo para 2-3 anos, segundo o produtor. 

É elaborado pela Bleasdale Vineyards, uma vinícola fundada em 1850 pela Família Potts. Foi a segunda a se estabelecer no país. Seus vinhedos estão localizados na região de Langhorne Creek, South Australia, a 70 km de Adelaide. Esta região tem sua história iniciando em 1800 às margens do rio Bremer. Antes mesmo da introdução das atuais técnicas de irrigação, o cultivo de uvas na região ocorria com ajuda das enchentes do rio, o que torna possível encontrarmos parreiras com mais de 110 anos e ainda produzindo.

Vamos ao vinho. 

Na taça apresentou coloração rubi, límpido, com boa transparência. Muita fruta no nariz, cereja, amoras, baunilha, presença mineral. Em boca a primeira sensação é de notas salgadas (minerais) se sobrepondo à fruta. Os taninos estão maduros, deixando o vinho macio, fácil. Tem acidez discreta. 

O final é um tanto ligeiro, com madeira e fruta bem integradas, mas o salgado é muito intenso, deixando o vinho menos agradavel do que poderia ser. Álcool aparecendo de leve (14,5% de teor). Fundo de taça com aromas lembrando especiarias e chocolate branco.

Já passou o auge, como a própria vinícola admite quando revela sua expectativa de consumo. Portanto, não evoluirá. Beba o mais rápido possível se tiver uma garrafa dessa safra em casa. Pelo que vi já está no mercado a safra 2010, certamente uma compra mais segura. 

Pela garrafa paguei $45.

Saúde a todos!


Nenhum comentário: