03 agosto 2012

Queria ter experimentado há mais tempo: Filipa Pato Ensaios Branco 2009


Há muito tempo queria comentar aqui um vinho elaborado pela enóloga Filipa Pato. Já havia experimentado seu espumante rosado, mas sem tomar notas que justificassem uma postagem. 

Infelizmente aqui em nossa região é um pouco difícil encontrar seus vinhos e na maioria dos casos eles estão numa faixa de preços pouco interessante. Esse, por exemplo, custa normalmente R$62 num supermercado que dia desses resolveu fazer uma promoção. Então, comprei duas garrafas pagando R$29 em cada uma. A esse preço foi uma excepcioal compra.

Na elaboração entram as variedades Arinto e Bical, que têm funções específicas no vinho. Para saber mais sobre cada uma delas, clique em seus nomes e acesse o site da Comissão Vitivinícola da Bairrada. 

Essa região tornou-se tão respeitada aqui no Brasil graças ao trabalho de Filipa e principalmente de seu pai, Luiz Pato. Eles são responsáveis pela valorização das castas locais e principalmente pela boa reputação que hoje a uva Baga (tinta) tem entre os enófilos.  

Filipa Pato em família. Fonte: www.menuespecial.com.br 

Na taça a coloração é amarelo palha, com reflexos esverdeados. Bons aromas, destaque mineral e algo cítrico. Na boca é leve, mas sua acidez é muito intensa, daqueles que causam uma salivação acima do normal, apontando para uma grande vocação gastronômica. Forte presença mineral. 

Final mediano, marcado pela grande acidez e por uma boa complexidade, com notas minerais no palato, frutos cítricos e traços de mel. Um vinho que, particularmente, indico para acompanhar comida, porque apenas para bebericar seria um desperdício.

Avaliação VPT = 86 pontos.

Saúde a todos!



Um comentário:

Anônimo disse...

Esse vinho é delicioso assim como o espumante rosé da FP. Mas aqui em BH os preços também são proibitivos.

Abraço.

Roberto Nogueira