21 janeiro 2013

Bolgheri DOC: um pedacinho importante da Toscana




Bolgheri é uma DOC (Denominazione di Origine Controllata) de pequenas dimensões, situada ao sul de Livorno e ao redor de uma vila que lhe dá nome, quase no Mar Tirreno (Mediterrâneo). 

Em termos vinícolas pertence à Itália Central, mais precisamente à importante região da Toscana, que tem outras importantes sub-regiões, como Chianti Classico, Carmignano e Brunello di Montalcino. 

Em termos de divisão política, a região de Bolgheri está na Província de Livorno, na comuna de Castagneto Carducci, que tem aproximadamente 9.000 habitantes, em dados de 2011.


A temperatura média anual é de 14º C, com média de 18 graus de abril a setembro, 7,5 graus de dezembro a janeiro e 24º C em agosto. As chuvas chegam a 600 mm anuais e são bem distribuídas, sendo mais abundantes durante o crescimento vegetativo, menos frequentes durante o amadurecimento da fruta e novamente abundante após a vindima. O mês mais chuvoso é julho. Essas características levavam os mais velhos a dizerem que não se poderia produzir vinhos de excelência com uvas plantadas nessas condições e tão próximas ao oceano.

Em termos históricos, essa pequena região começa a ganhar alguma importância a partir do vinho Sassicaia, comercializado a partir da safra de 1968, elaborado de vinhedos plantados em 1944 pelo Marchese Incisa della Rocchetta, num terreno pedregoso de sua propriedade (San Guido), distante a 10 km do mar.


Era um vinho elaborado apenas com Cabernet Sauvignon, portanto, fora das tradicionais regras italianas, não podendo receber a designação DOC. Coube à imprensa internacional, na década seguinte, apelidar esse e outros vinhos de supertoscanos, porque elaborados com predominância de uvas internacionais (Cabernet Sauvignon e Merlot), por vezes cortadas com a tradicional Sangiovese.

Atualmente esse verdadeiro representante da rebeldia dos produtores da região tem sua própria denominação, a Sassicaia DOC. 

Na esteira desse sucesso outros produtores  se estabelecem na região, como o Marchese Lodovico Antinori, que em 1981 funda a Tenuta dell'Ornellaia, que elabora o famoso vinho que leva seu nome. Atualmente essa propriedade pertence à família Frescobaldi e tem Michel Rollando como consultor e Axel Heinz como enólogo chefe.

Esse pedacinho da Toscana, berço dos internacionais supertoscanos, é repleta de produtores notáveis, bastando ver a lista apresentada ao final desse post.  
 


Variedades autorizadas em Bolgheri 

Tintas: Sangiovese, Cabernet Sauvignon, Merlot e Cabernet Franc são as mais utilizadas, mas há vinhedos de Syrah e Petit Verdot.

Brancas: Vermentino é a principal uva, mas também há vinhos menos expressivos elaborados com Sauvignon Blanc e Viognier.

Regras para os vinhos


Para que os vinhos elaborados nessa região sejam rotulados como DOC, precisam seguir algumas regras resumidas abaixo. Se estiverem fora dessas parâmetros, devem ser classificados como Toscana IGT (Indicazione Geográfica Típica).

- Alguns vinhos recebem no rótulo a classificação Bolgheri DOC Superiore. A expressão "superiore” indica um vinho mais envelhecido que um DOC e com teor alcoólico maior, entre 0,5% e 1% (Fonte: Atlas Mundial do Vinho).

- Os vinhos tintos devem ser elaborados em corte. A Cabernet Sauvignon pode participar em até 80% do vinho, a Merlot com 70% e a Sangiovese também com 70%, complementados em menores parcelas pela Syrah e Petit Verdot.

- Há excelentes vinhos tintos varietais elaborados na região, como o Paleo (Cabernet Franc), Masseto e Messorio (ambos com 100% Merlot). A alta qualidade tem levado o Consórcio responsável pela regulação regional a estudar a possibilidade de incluir esses monovarietais na DOC.

- Os rosados dessa DOC tem uma tradição implantada desde os anos 1970, quando Antinori elaborava seu Rosé di Bolgheri. As uvas mais utilizadas são Sangiovese e Malvasia Nera, mas também Cabernet Sauvignon, Merlot e Syrah.

- Os vinhos brancos são elaborados principalmente com a uva Vermentino, vinificada sozinha ou em cortes com a Sauvignon Blanc e Viognier. São elaborados desde os frescos vinhos que não passam por madeira, combinando com a culinária do Mediterrâneo, quanto outro estilo mais complexo, com as uvas fermentadas em barricas de carvalho.


Alguns produtores importantes (em ordem alfabética):

 

Para saber mais

- Visite o site do Consorzio per la Tuteladei Vini Bolgheri DOC.


Saúde a todos!
____________________

Obs.: esse texto reúne apenas informações básicas sobre a região. Novas informações e correções podem ser feitas. Envie suas sugestões para: vinhoparatodos@gmail.com.

Um comentário:

vinho disse...

Gosto muito deste blog por me ajudar muito na escolha de meus vinhos.

Conheçam este site, otimos produtos
http://www.vinhobr.com.br/