08 janeiro 2014

Sim, vale a pena provar um Chablis que custa menos de R$100: Abel Pinchard Chablis AOC 2011


Para muitas pessoas os vinhos de Chablis são os melhores brancos do mundo.  Isso significa que os grandes vinhos dessa região não são baratos. Só pra você ter uma ideia, digitei a palavra "chablis" em alguns sites e os resultados foram todos acima dos R$100 (para garrafas de 750 ml), sendo que encontrei alguns com preços próximos aos R$600. 

Chablis é uma sub-região ao norte da Borgonha, cujos vinhos para serem rotulados com essa denominação devem ser 100% Chardonnay, com passagem ou não por madeira dependendo do produtor. Como principais características podemos dizer que são muito secos, mas um pouco amanteigados.

Imagem: http://www.bourgogne-info.eu/jpg/202_Bourgogne.jpg

O vinho de hoje é elaborado pela Abel Pinchard (fundada em 1821), que produz vinhos em várias regiões francesas: Borgonha, Beaujolais, Côtes du Rhône e Châteauneuf-du-Pape.  Não está entre os principais produtores da região, mas o vinho apresentou um resultado bem satisfatório, podendo ser a porta de entrada pra você que deseja conhecer a característica da Chardonnay nessa região tão especial, gastando menos de R$100. 

Na taça a coloração é amarelo palha. Bem aromático, com notas de frutos brancos e um frescor evidente já nos aromas. Na boca tem boa fruta, mineralidade lá em cima, o que é a principal característica desse vinho. Acidez marcante. Final de boa persistência, com frutado no palato e novamente a repetição das notas minerais. Tem 12,5% de teor alcoólico.    

Bebemos esse vinho sem maiores compromissos com a harmonização, numa noite em que a Érika e nossa filha Antônia preferiram comida japonesa e eu fui de pizza margherita. Com a comida japonesa caiu muito bem, limpando a boca, mas passou por cima da pizza em razão de sua ótima acidez. Interessante experiência. 

Enfim, um vinho que não tem a grandiosidade dos caríssimos vinhos da região, mas que tem as características necessárias pra uma experiência inicial, sem gastar muito. É bem diferente de alguns Chardonnay do novo mundo, amadeirados e pesados. 


Detalhes da compra:

Esse vinho é importado pela Casa Flora e não me lembro onde compramos, mas na internet pode ser encontrado na faixa dos R$95-98.

Saúde a todos!



2 comentários:

Anônimo disse...

Caro VPT,
suas análises curtas e muito objetivas me deixam felizes. Aprendo muito e na medida do possível tento comprar alguns vinhos sugeridos aqui no Blog. Vou procurar esse Chablis aqui em Brasília. A minha experiência com vinhos brancos se resume aos do novo mundo, particularmente os do Chile, sem me esquecer os do Brasil. Então, creio que valeu muito a sua dica.

Não sei o porquê do meu gosto, mas aprecio muito os brancos com pizza, especialmente a Marguerita e a Portuguesa, minhas escolhidas. Mesmo com as que levam um tipo de linguiça, como a de javali, o meu acompanhamento é com vinho branco. Não sei se estou certo ou errado...

Por isso, chamou a minha atenção o trecho do seu post: "mas passou por cima da pizza em razão de sua ótima acidez. Interessante experiência." Creio que isso quer dizer que tal Chablis atropelou a pizza Marguerita e não é o acompanhamento adequado para ela porque a acidez é muito acima do normal para uma pizza com tais características.
Será que o Chablis cairia bem com uma Portuguesa e a com linguiça de javali por causa dos embutidos que integram essas pizzas?
Agradeço muito a sua resposta e aproveito para parabenizá-lo pelo seu grandioso e elucidativo Blog.
Um abraço.
Carlos Henrique

Anônimo disse...

Chablis por menos de $100 não presta!!!!