06 maio 2014

Ter um guia de vinhos é importante, principalmente se for confiável. Por isso, recomendo: Guia do Vinho - Brasil às Cegas


Recebi há duas semanas meu exemplar do Guia do Vinho - Brasil às Cegas, uma publicação da qual tenho orgulho de ter participado na condição de degustador e, por essa razão, posso assegurar que as avaliações ali presentes são imparciais.

Os idealizadores Beto Duarte e Cristiano Orlandi escolheram o sistema de degustação às cegas para as avaliações dos vinhos. Para quem não está habituado com esse tipo de situação, é simples explicar: o degustador recebe as taças já com o vinho servido e não tem nenhuma informação prévia a respeito do produto que ali está. 

Não se dá informação sobre país de origem, vinícola, faixa de preços, sempre ingredientes que nos fazem avaliar o vinho de forma tendenciosa. Assim, a nota atribuída reflete as qualidades do vinho e não da marca ou do preço de mercado. Isenção total que causa muitas surpresas, inclusive.

O Guia foi lançado em março e ali estão mais de 800 rótulos de todo o mundo, com notas obtidas em mais de 30 degustações que reuniram bloggers, jornalistas, sommeliers e lojistas.

É uma publicação que vale a pena ter em mãos quando for às compras e para adquiri-lo basta entrar em contato por e-mail (brasilascegas@hotmail.com) ou ir diretamente à página do Mercado Livre (aqui).

Saúde a todos!

Nenhum comentário: