13 março 2016

Uma ótima surpresa da África do Sul: Allesverloren Tinta Barroca 2013


Comprei esse vinho movido por uma grande curiosidade, pois é elaborado na África do Sul a partir de uma variedade tinta importante para os portugueses: a Tinta Barroca, muito plantada na região do Douro e uma das seis variedades recomendadas para elaboração do Vinho do Porto.

O produtor é a Allesverloren, cuja história remonta para um período compreendido entre 1696 e 1704. O nome da vinícola significa "tudo está perdido", porque naquele início de história era comum os proprietários viajaram de trem até Stellenbosch para comprarem ferramentas ou irem à igreja. Ao retornarem de uma dessas viagens, em 1704, encontraram sua casa destruída por um incêndio. Atualmente comandada pela família Malan, a vinícola possui 227 hectares.

Visitando o site da empresa percebe-se uma vocação para a elaboração de vinhos com identidade portuguesa. Além das variedades internacionais Cabernet Sauvignon e Shiraz, elaboram esse Tinta Barroca, um Touriga Nacional, um corte chamado Três Vermelhos (Souzão, Tinta Barroca e Touriga Nacional) e dois vinhos fortificados nos estilos Moscatel e Porto.

Enfim, esse é um 100% Tinta Barroca, com 14% de teor alcoólico e amadurecimento por 8 meses em barricas de carvalho francês de primeiro, segundo e terceiro usos. A região é Swartland, pertencente ao grande setor litorâneo que os sul-africanos chamam de Coastal Region.

Na taça a coloração é rubi, com boas lágrimas na parede da taça. Bons aromas, maduros, frutos vermelhos, terra, especiarias e chocolate. Bom corpo, taninos macios e boa acidez. Muita fruta se repetindo, boa complexidade com ervas e notas terrosas.

Final persistente, boa fruta madura, especiarias e uma agradável nota da passagem por madeira, lembrando bala de café. Boa surpresa!

É rotulado no Brasil como demi-sèc, mas pode comprar tranquilo porque não é um vinho enjoativo. Ao contrário, se não tivesse essa informação no contra-rótulo eu não teria visto de imediato tratar-se de um meio seco. 


Detalhes da compra:

O vinho é importado pela Wine, que o vende em seu site por R$ 76, mas para associados do seu clube sai por R$ 65.

Saúde a todos!



Nenhum comentário: