25 setembro 2016

Vinho argentino macio e fácil de beber :: Cuatro Vacas Gordas Blend 2015


Esse vinho tem um rótulo divertido e me parece que sua proposta combina bem com o rótulo. Longe de ser um vinho encorpadão, com taninos potentes, madeira muito evidente e teor alcoólico lá em cima - ainda presentes em muitos vinhos argentinos - esse tem uma proposta muito clara: ser fácil de beber, sem complicações e, porque não, ser um vinho divertido!

Quando usamos esse adjetivo "divertido" pode ser que apenas queremos dizer que o vinhos seja OK, isto é, um vinho bom, sem qualidades excepcionais. Eu mesmo e muitos amigos usamos ambos adjetivos para definir alguns vinhos. 

Mas, para esse a expressão "divertido" significa um vinho fácil de beber, sem grandes complexidades, mas sem qualquer defeito. Apenas é um vinho elaborado para não causar muita polêmica ou comentários. É daqueles para você beber e enquanto bebe não fica girando a taça para sentir aromas ou conseguir detalhes para comentar. É um vinho que não vai roubar a atenção de ninguém durante um jantar, por exemplo. 

Na taça tem coloração rubi. Aromas de frutos vermelhos maduros, com destaque especial para ameixas. É um corte de Malbec (60%) e Cabernet Sauvignon (40%), e as características mais evidentes são realmente da Malbec. Às cegas eu apostaria nessa uva. 

Na boca a fruta é abundante, com notas discretas de baunilha e caramelo. Os taninos são muito macios e dóceis. Acidez mediana. Final de boa persistência. A facilidade de beber o torna um vinho amigável a todos os tipos de paladares. Detalhe: vinhos com essa característica costumam ser rotulados como "meio-seco", mas não é o caso desse.

Não tem passagem por madeira, apenas um período de 6 meses em tanques de inox para afinamento. Tem 13% de teor alcoólico. Seu produtor é a Caligiore, que elabora o vinho na região de Luján de Cuyo, a partir de vinhedos orgânicos.  


Detalhes da compra:

Esse vinho é importado pela Mercovino e pode ser encontrado na faixa de preços entre R$71 e 80. 

Saúde a todos!



Nenhum comentário: